Pinturas

Descrição da pintura de Dmitry Levitsky “Portrait of Catherine 2”

Descrição da pintura de Dmitry Levitsky “Portrait of Catherine 2”



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Levitsky pintou um quadro em 1783.

O espectador pode imaginar as características do retrato durante o período do classicismo. Podemos entender as características da arte, seu simbolismo e alegoria. Catarina está no templo da deusa da justiça. Ela queima flores de papoula em um altar especial. Em vez de uma coroa na cabeça da imperatriz, uma coroa de louros. A Ordem de São Vladimir diz. Que Catherine fez muito pelo país. Isso também é evidenciado pelos livros que estão a seus pés. É verdade.

Nesse retrato grandioso, as principais características do classicismo foram claramente manifestadas. Primeiro de tudo, essas são cores muito saturadas. Os tons frios prevalecem aqui. Você pode sentir a divisão em vários planos no espaço. As formas são esculturais. Eles são tão contidos e plásticos ao mesmo tempo. O artista habilmente usa truques de alegoria. Vemos Catherine em roupas de cetim brancas.

Diante de nós é uma verdadeira mulher dos tempos antigos. Ela se move suavemente e sorri muito amigável. Esse deve ser o líder de um país forte. Para criar um efeito magnífico, alguns detalhes foram usados: o tapete é ligeiramente deslocado, o cetim amarelo pálido brilha e um luxuoso manto de arminho é visível.

Levitsky criou uma imagem que idealiza Catherine o máximo possível. Nele, ele expôs a idéia de que o monarca reina apenas pelo povo e vive de acordo com as leis existentes no estado.

O conteúdo da imagem não é retrato. Isso a aproxima das telas históricas da época. Este retrato é alegórico. Para retratar o verdadeiro soberano, a confirmação era necessária na forma de alegorias e símbolos. Levitsky lutou pela confiabilidade.

Diante de nós não é apenas um retrato, mas uma idéia. O artista atribui um mandato peculiar à imperatriz. Foi assim que a nobre intelligentsia imaginou o poder monárquico em sua forma ideal.





Impressão de Monet


Assista o vídeo: Николай Блохин - Погружение в живопись (Agosto 2022).